Feira de Produtos da Terra

No âmbito do programa “Tardes Sénior” realiza-se dia 24 de Setembro, no Parque de Alta Vila, uma feira de produtos locais.

Entre as 10h00 e as 18h00, os utentes das várias Instituições de Solidariedade Social do Concelho irão promover a venda dos seus produtos agrícolas, como mel, legumes, fruta da época, vinho, chouriças, broa caseira, ovos, entre outros.

Com esta iniciativa Águeda continua a desenvolver acções em prol da qualidade de vida da sua população, actuando em particular na promoção do convívio intergeracional e na sensibilização e dinamização do comércio e produção locais, neste caso de produtos agrícolas e de artesanato.

O programa “Tardes Seniores” é uma aposta da Câmara Municipal de Águeda que pretende juntar uma vez por mês, numa tarde, os idosos do Concelho de Águeda, para com eles realizar diversos projecto de animação social e cultural.

Jovens Aguedenses desafiados a mostrarem os transportes públicos

A Câmara Municipal de Águeda desafia jovens, entre os 13 e os 31 anos, a darem a conhecer os transportes públicos do Município de Águeda, através da participação no concurso internacional, promovido pela Associação Internacional de Transporte Público (UITP).

Os interessados poderão apresentar fotos e/ou vídeos, a uma ou mais categorias a concurso, até dia 30 de Setembro. Os trabalhos devem respeitar o objectivo do Concurso, que passa por promover o uso dos transportes públicos (TP) locais.
As seis categorias a concurso são: TP aliviam a congestão!; TP levam toda a gente a todo o lado!; TP fornecem serviços para um estilo de vida!; TP são parte da história da cidade!; TP inspiram uma nova mobilidade urbana!; TP são uma indústria dinâmica! Cria a tua equipa!.

Todos os vencedores terão a oportunidade de verem divulgado seu trabalho, quer na página electrónica do projecto, quer em apresentações públicas do projecto.
Para saber mais sobre este Concurso consulte o site www.youthforpt.org

Galardão Eco-Escolas para oito escolas de Águeda

Oito escolas de Águeda foram premiadas com o Galardão Eco-Escolas “Bandeira Verde 2010”. De destacar que nesta edição, 2009/2010, todas as escolas de Águeda inscritas no concurso foram distinguidas com este Galardão.

As escolas EB 2,3 Fernando Caldeira; EB 2,3 de Valongo do Vouga; EB1 de Arrancada do Vouga; EB1 de Macinhata do Vouga; EB1 de Mourisca do Vouga; EB1 Prof. João Pires da Rosa; S/3 de Adolfo Portela, e Instituto Duarte de Lemos vêem reconhecidos os seus esforços na melhoria do desempenho ambiental e na sensibilização da comunidade para a necessidade de adopção de comportamentos mais sustentáveis.

Com a atribuição deste galardão o Programa Eco-Escolas reconhece o trabalho de criação de hábitos de participação e de cidadania na escola e na comunidade com resultando na melhoria da qualidade de vida de todos.

A sessão de entrega das Bandeiras Verdes às escolas decorrerá no dia 24 de Setembro, em Ourém.
Para mais informações sobre o Programa Eco-Escolas, da Associação Bandeira Azul da Europa (ABAE) consulte: www.abae.pt

Aguedenses assumem mais de 3000 compromissos

Mais de 450 pessoas já se comprometeram a contribuir para melhorar a qualidade de vida em Águeda. Desde janeiro de 2010 foram identificadas milhares de acções que os Aguedenses vão voluntariamente implementar para que o Concelho seja cada vez mais sustentável.

A equipa de Águeda 21 tem vindo a receber desde de Janeiro de 2010 os compromissos dos Aguedenses empenhados na construção de um Concelho mais sustentável. Até agora somam-se 3.300 acções voluntárias. As que revelam maior adesão estão relacionadas com a poupança de energia (utilizar lâmpadas economizadoras, desligar carregadores e aparelhos da tomada quando não estão a ser utilizados, entre outras), a poupança e eficiência no consumo de água e o respeito por pessoas de diferentes sexos, idades, crenças, necessidades e origens.

Siga o exemplo. O que está disposto(a) a fazer para melhorar a qualidade de vida em Águeda? Indique-nos aqui.
Os contributos podem ser enviados até ao final de Novembro.

Projecto 10:10 Portugal

E se mais de 95.000 cidadãos de 128 países, de todo o mundo, se comprometessem a reduzir as emissões de carbono, acreditaria?
Pois pode acreditar, e até pode juntar-se a eles no projecto 10:10 Portugal.

Esta campanha envolve cidadãos e famílias, escolas e universidades, pequenas lojas e grandes marcas, estrelas de cinema e políticos, que de forma voluntária assumem as suas responsabilidades na construção de comunidades mais sustentáveis e com melhor qualidade de vida.

Em Portugal e nos restantes 127 países, quase 100.000 cidadãos já se comprometeram a realizar acções muito simples e fáceis que permitem reduzir 10% das emissões de carbono num período de 12 meses, com início em 2010. No final todos os cortes individuais resultam num considerável corte global das emissões.

Projectos como este demonstram como é possível cada cidadão ou entidade comprometer-se com a melhoria do Planeta e que a união de todos em torno de objectivos comuns e facilmente concretizáveis apresentam elevado potencial de sucesso. Algo que também se pretende obter com o processo de Agenda 21 Local de Águeda.

Para saber mais sobre o projecto 10:10 em Portugal consulte o site www.1010global.org/pt

Águeda 21 apresentado à Rede de Cidades Médias da UE

No próximo dia 17 de Setembro, a Câmara Municipal de Águeda irá realizar uma comunicação sobre a Agenda 21 Local no Workshop “O ambiente nas cidades médias: problemas e respostas a nível local”.

Este evento, promovido pela rede de cidades médias da União Europeia (Rede CIUMED), servirá para apresentar o processo Águeda 21 e para debater com os presentes os sucessos e os obstáculos inerentes à aplicação destes processos ao nível local.

A participação em eventos como este contribui para que se reforce a cooperação com outros governos locais, neste caso alguns internacionais, na procura de soluções para problemas globais, como é o caso da conservação do ambiente e a promoção do desenvolvimento sustentável, consolidando-se a aplicação dos Compromissos dos Municípios e Cidades Europeias para a Sustentabilidade, base da Agenda 21 Local.

Para saber mais sobre a Rede CIUMED consulte o site www.ciumed.org

Estado de Sustentabilidade de Águeda

Sabia que Águeda tem o maior número de patentes registadas do distrito de Aveiro? E que o consumo de água por habitante é de 35.000 litros por ano? Que 70% do território do concelho é ocupado com floresta?

Durante os últimos meses de trabalho a equipa de Águeda 21 inventariou as politicas, projectos e acções desenvolvidas em Águeda em prol da melhoria da qualidade de vida dos seus habitantes. Foram estudados quase 90 indicadores para dez áreas da sustentabilidade municipal. O resultado é o Estado de Sustentabilidade de Águeda (ESA) 2010.

Este constitui o ponto de partida para um debate alargado que se pretende realizar com toda a comunidade, aquando do Fórum Participativo, de forma a definir as próximas metas e objectivos de sustentabilidade para Águeda e para os seus habitantes.

Consulte o Estado de Sustentabilidade de Águeda (ESA) aqui.