Geração ’92 – Competição Europeia de vídeo para jovens

Qual é a tua visão de vida sustentável nos próximos 20 anos?
Mostra-a no Generation ’92 – European youth video competition! 

O concurso “Geração ’92” oferece a oportunidade aos jovens europeus, nascidos em 1991, 1992 ou 1993, de mostrarem num vídeo a sua visão de um futuro sustentável.

Os vencedores serão convidados a participar num evento sobre o desenvolvimento sustentável, em Copenhaga, na Dinamarca, a 05 de Junho – Dia Mundial do Ambiente.

Os melhores trabalhos também vão ganhar um total de          6 000 € em prémios.

As inscrições podem ser apresentadas entre 1 de março e 2 de abril de 2012.

Uma iniciativa da Agência Europeia do Ambiente.

Veja mais

Anúncios

Campanha “Papel por alimentos”

1 tonelada de papel pode transformar-se em 100 € de alimentos

A Campanha “Papel por alimentos”, do Banco Alimentar Contra a Fome, pretende envolver as instituições que diariamente se abastecem nos Bancos Alimentares por todo o país, bem como os e os voluntários que colaboram, mas também todas as pessoas e entidades que se queiram associar, nomeadamente a administração pública e local.

Por cada tonelada de papel recolhido vai ser entregue o equivalente a 100 € em alimentos, indicados pela Federação Portuguesa dos Bancos Alimentares.

Em Águeda, o papel recolhido pode ser entregue na delegação local da Cruz Vermelha Portuguesa. O seu papel é essencial na luta contra a fome! Contribua!

Veja mais

 

Limpar Portugal 2012 em Águeda

Voluntários de Águeda vão tornar a limpar os seus espaços

 Os trabalhos de preparação e coordenação das ações que se vão desenvolver em Águeda, no âmbito do movimento nacional Limpar Portugal 2012, estão já a decorrer.

Esteja atento a mais informações da Câmara Municipal de Águeda ou da sua Junta de Freguesia, reúna já o seu grupo familiar ou de amigos e junte-se a este movimento europeu! Vamos limpar também Águeda!

Veja mais 

Veja como foi em 2010

Águeda 21 – Boas práticas na construção da sustentabilidade local

Águeda 21 apresentou, no Seminário Nacional Eco-Escolas, uma comunicação sobre as boas práticas locais em matéria de sustentabilidade

Integrando o Painel III: Municípios – Boas práticas, do Seminário Nacional Eco-Escolas 2012, que ocorreu em Beja, no passado dia 04 de fevereiro, foram apresentadas as boas práticas desenvolvidas em Águeda através da sua Agenda 21 Local, no que concerne a construção da sustentabilidade local.

A comunicação de Águeda procurou apresentar o trabalho desenvolvido pela Autarquia com a sua Agenda 21 Local, na construção da sustentabilidade local, alicerçado numa forte participação dos cidadãos. Promovendo a sustentabilidade ambiental, social e económica, com o Águeda 21 procurou-se ir mais além: garantindo aos munícipes informação sobre desenvolvimento sustentável, bem como oportunidades para a partilha de responsabilidades, aumentando a transparência, a cooperação e a consciência de que cada cidadão pode fazer algo mais para que Águeda se aproxime de alguns patamares europeus de sustentabilidade e qualidade de vida.

Além dos resultados, foram ainda apresentadas algumas das iniciativas e projetos desenvolvidos pelo Águeda 21, entre eles o Projeto MAPA – MApa Positivo de Águeda.

Veja mais

 

 

 

Pateira de Fermentelos – importante zona húmida

2 de fevereiro – Dia Mundial das Zonas Húmidas

A Pateira de Fermentelos corresponde a uma importante zona húmida, onde ganha destaque a lagoa natural considerada por muitos como a “maior lagoa natural da Península Ibérica”. Esta área suporta uma diversidade de espécies da flora e fauna, onde ganha destaque a abundância de aves, nomeadamente de patos, presente na origem da designação Pateira (prefixo pat – patos e eira – abundância).

Presentemente, a Pateira de Fermentelos corresponde ao assoreamento e espraiamento do rio Cértima, perto do local onde desagua no rio Águeda. A lagoa é, desta forma, alimentada pelo rio Cértima (a montante), pela Ribeira do Pano (a poente), pontualmente por outras escorrências, e por água subterrânea (sistema aquífero Cretácico de Aveiro), sendo o rio Cértima o principal curso a condicionar a hidrologia da Pateira. Na zona oeste da lagoa aflora o sistema aquífero Cretácico de Aveiro, que representa uma reserva de água estratégica para toda a região do baixo Vouga.

Estatuto de proteção

A Pateira de Fermentelos apresenta características de um sistema semi-lêntico, que integra a Zona de Proteção Especial da Ria de Aveiro (PTZPE0004) e, como tal, incluída na Rede Natura 2000.

Protegida pela Diretiva Aves, está ainda classificada como “Zona Sensível”, de acordo com o Decreto-Lei n.º 152/97, de 19 de Julho, Anexo II, tratando-se de uma importante e extensa zona húmida.

Por definição, as Zonas Húmidas (ZH) são áreas de sapal, paul, turfeiras ou águas, naturais ou artificiais, permanentes ou temporárias, estáticas ou correntes, doces , salobras ou salgadas, incluindo extensões de água do mar, cuja profundidade na maré baixa não exceda os 6 metros, e zonas costeiras e ribeirinhas (Convenção de Ramsar).

Estas ZH, onde se inclui a Pateira de Fermentelos, desempenham importantes funções nos ecossistemas como regularização hídrica e climática, a purificação da água, contrariam o efeito de estufa, protegem a costa, alimentam reservatórios naturais subterrâneos, suportando uma elevada biodiversidade, entre outras. As zonas húmidas são, aliás, áreas de grande produtividade primária da Terra (a par com as florestas tropicais), suportando assim uma fauna e flora riquíssimas e com diversos estatutos de proteção e conservação.

Veja mais