Quercus promove controlo de espécies invasoras e exóticas

No próximo sábado, dia 5 de maio, a Quercus – Associação Nacional de Conservação da Natureza – Núcleo de Aveiro, promove mais uma ação de controlo de espécies vegetais invasoras e exóticas, em Belazaima do Chão, Águeda.

O Projeto Cabeço Santo iniciou-se em 2006, um ano após o catastrófico incêndio que deixou o Cabeço Santo em cinzas. O seu objetivo principal é a criação de um mosaico de áreas de conservação numa zona intensamente utilizada para o cultivo florestal de uma espécie exótica: o eucalipto.
Foi motivado inicialmente pela tentativa de evitar que as áreas de habitat ripícola fossem alvo da expansão de espécies infestantes. No entanto, os horizontes do Projeto foram rapidamente alargados para incluir áreas até aí sujeitas a exploração florestal intensiva. Este é um projeto único em Portugal, com uma área de intervenção de 150 hectares e conta com a parceria da Câmara Municipal de Águeda.

Com esta ação pretende-se promover nos voluntários o gosto pela floresta, através da tomada de consciência do papel ativo que podem ter na reflorestação das áreas ardidas e invadidas por plantas invasoras.

Os interessados podem inscrever-se pelo e-mail cabecosanto@quercus.pt.

A organização oferece o almoço em modo ovo-lacto-vegetariano e o lanche.

Para mais informações, contactar: Paulo Domingues, Coordenador do Projeto Cabeço Santo 968750155 | cabecosanto@quercus.pt

blogue https://ecosanto.wordpress.com/
https://www.facebook.com/cabecosanto/

 

 

Anúncios

Orçamento Participativo de Águeda :: Projetos Finalistas em Votação Presencial e Online de 26 de abril a 7 de junho

1

De 26 de abril a 7 de junho os cidadãos – com mais de 16 anos, naturais e residentes, bem como aqueles que estudem ou trabalhem no concelho de Águeda – têm direito a dois votos, para escolherem entre os 19 projetos finalistas aquele(s) que consideram prioritários para o concelho de Águeda.

» Como usar os seus 2 Votos
Cada cidadão com 16 ou mais anos, natural e/ou residente no concelho de Águeda, bem como os que estão afetos por questões académicas, têm direito a 2 votos, que têm de ser usados em projetos diferentes e de freguesias diferentes.

A votação pode ser feita via online na Plataforma Participativa (http://orcamentoparticipativo.cm-agueda.pt) ou nas sessões participativas organizadas pela Autarquia.

O voto eletrónico é realizado na Plataforma do Orçamento Participativo em http://orcamentoparticipativo.cm-agueda.pt. O interessado deve primeiramente registar-se preenchendo integralmente os campos pedidos. Caso tenha utilizado o cartão de cidadão para efetuar registo ou seja recenseado no concelho de Águeda poderá exercer o seu voto de imediato. Caso contrário, aguarde a validação do seu registo.

» As votações nas Freguesias

Datas e locais de votação

» Os 19 Projetos em votação
A listagem das propostas em votação é acessível através da página http://orcamentoparticipativo.cm-agueda.pt clicando no botão verde “Orçamento Participativo 2017 – 2018” que conduz à página onde é apresentada a listagem de propostas logo após o mapa interativo.

Relativamente à utilização do mapa: é possível redimensionar a escala do mesmo (mais próximo ou mais distante) com recurso à roda do rato ou através do cursor vertical no lado esquerdo do mapa, o que facilita o acesso individual aos pinos. É possível clicar sobre os pinos que marcam cada uma das propostas, o que conduz à página respetiva, onde é possível votar depois de se ter registado (deve fazer login para votar).

591745 – Trilho dos Moinhos
591746 – Parque Radical no Centro da Vila de Aguada de Cima
597753 – Parque de Lazer da Boiça – Fase 3
597652 – Requalificação do Largo do Carvalho em Fermentões
588115 – Escadaria do Outeiro da Vila – Macieira de Alcôba
588192 – Pista de Minigolfe no Parque Urbano da Cidade
588194 – Parque Botânico de Vale Domingos
588275 – Melhoramento das Condições de Circulação de Invisuais em Águeda
588316 – Requalificação do largo do Cruzeiro em Paradela
588330 – Aquisição de material desportivo, bicicletas e equipamentos de segurança
588336 – Construção de mega tanque para combate a fogos em Castanheira
590199 – Balneários no Parque de Merendas do Beco
590200 – Arranjo Urbanístico no Parque de Merendas do Beco
590204 – Criação da Estrutura do Miradouro no Jardim das Fontainhas
590206 – Mexe, Mexe em Boa Companhia
591744 – Sítio de Festivais Étnicos
591752 – Requalificação da Pista de Downhill no Préstimo
597654 – Requalificação do Largo de S. Romão
591743 – Empedramento e Arranjo de Passeios na Rua do Parque

 

INFOMAL – FASE DE VOTAÇÃO

Eco-Escolas: Rota pela Floresta de 20 a 27 de abril

rota_floresta_v2_1_1024_2500

A “Rota pela Floresta”, que integra o projeto “Do CO2 ao O2“, é uma iniciativa da Associação Bandeira Azul da Europa (ABAE) proposta aos Municípios que integram a rede ECOXXI. Pretende-se constituir numa ação catalisadora de sinergias entre as escolas e o Município com o principal objetivo de agir pela proteção dos ecossistemas existentes no município, com particular enfoque na floresta.

Rota pela Floresta

Visita ao Cabeço Santo – 20 de abril – identificar espécies autóctones e invasoras, assistir à demonstração de técnicas de controlo e plantação de árvores. Por fim, realizam uma visita ao bosque – atividade dinamizada com a QUERCUS

Escola Secundária Adolfo Portela

Escola Básica Fernando Caldeira

Escola Secundária Marques de Castilho

Trilho das Levadas – 24 de abril – conhecer melhor a flora da área e identificar diversas espécies, bem como realizar uma plantação simbólica e efetuar o descasque de acácias – EB de Valongo do Vouga – atividade dinamizada com o apoio da JF de Valongo do Vouga e QUERCUS

EB Trofa – 26 de abril – aprender a distinguir as espécies autóctones e exóticas e fazer bolas de sementes – atividade dinamizada com a QUERCUS

EB Macinhata do Vouga – 27 de abril – aprender a distinguir as espécies autóctones e exóticas e fazer bolas de sementes – atividade dinamizada com a QUERCUS

Encontrados os 19 Projetos Finalistas do OP-Águeda

op_agueda_1_1024_2500

No passado dia 3 de abril, foi aprovada a lista final de projetos a incluir no OP-Águeda 2017/2018.

Tendo em consideração o parecer dos serviços municipais sobre o teor das reclamações, o executivo municipal deliberou o deferimento de 4 reclamações – Empedramento e Arranjo de Passeios na Rua do Parque; Trilho dos Moinhos; Parque Radical no Centro da Vila em Aguada de Cima; Requalificação do Largo do Carvalho em Fermentões – que irão juntar-se aos projetos que já haviam sido considerados elegíveis ao abrigo do Regulamento do Orçamento Participativo de Águeda, perfazendo um total de 19 propostas a votação.

A votação iniciar-se-á ainda durante o mês de abril, com cada cidadão – com 16 ou mais anos, natural e/ou residente no concelho de Águeda, bem como os que estão afetos por razões académicas – a terem direito as 2 votos, que pode usar presencialmente ou através da internet (http://orcamentoparticipativo.cm-agueda.pt), tendo apenas a obrigatoriedade de votar em projetos distintos e de freguesias diferentes.

Esta obrigatoriedade prende-se com o facto do OP-Águeda ser de âmbito municipal e de estimular os participantes a terem uma visão global das propostas para o concelho, identificando as que consideram prioritárias.

O Edital com os projetos finalistas e os fundamentos de exclusão pode ser consultado aqui.

Ambiente e Sustentabilidade :: Câmara e Eco-Escolas do Concelho de Águeda mobilizaram-se pela Floresta

1.jpeg

No âmbito da comemoração do Dia Mundial da Floresta e Dia Mundial da Árvore, foram dinamizadas algumas atividades nas Eco-Escolas do Concelho com o propósito de alertar a comunidade escolar para a importância da preservação da natureza e contribuir para a criação de uma consciência de responsabilidade cívica.

O início da primavera ficou marcado pela realização de várias iniciativas promovidas pelos professores e alunos do programa Eco-Escolas.

A Escola Secundária Marques de Castilho assinalou a data com a campanha “Respeitar a Floresta é prolongar as nossas vidas”, dinamizando atividades tais como: plantação de um sobreiro na escola, sementeira de espécies florestais e autóctones e por último, uma palestra sob o tema “A problemática dos incêndios florestais” que contou com a participação do ICNF, Bombeiros, Câmara Municipal de Águeda, Núcleo de Proteção Ambiental da GNR, Viveirista e Professores.

Já na Escola Secundária Adolfo Portela, depois de uma palestra dinamizada pelo Dr. António Mascarenhas da Proteção Civil, realizou-se a plantação de dois amieiros e dois medronheiros, no espaço verde da escola e ofereceram-se árvores a toda a comunidade escolar. Por sua vez, a Escola Básica de Macinhata do Vouga, optou por plantações diversas e pela criação de espaços decorativos com flores, como forma de assinalar a data, tendo proporcionado aos alunos um dia repleto de experiências.

A Escola Básica de Valongo do Vouga comemorou a data com a plantação de duas espécies autóctones e com uma palestra dinamizada pelo Núcleo de Proteção Ambiental da GNR. Por último, na Escola Básica Fernando Caldeira, as crianças assinalaram a importância do Dia Mundial da Floresta e Dia Mundial da Árvore com a colocação de ninhos nas árvores.

Numa nota de agradecimento a todas as entidades envolvidas nestas ações, o Vice-Presidente da Câmara Municipal de Águeda, Edson Santos, refere: “A proteção e a sustentabilidade da Floresta depende da atitude proativa de cada um de nós e nesse sentido, é essencial cultivar e fomentar uma atitude cívica de respeito pelo meio ambiente, através do envolvimento dos alunos, professores, agentes e comunidades locais em iniciativas desta natureza. Reitera ainda que a Câmara municipal está atenta ao tema e procura ao longo de todo o ano dinamizar ações e projetos que protegem e valorizem a nossa floresta.”

Proteja o Futuro, proteja a nossa Floresta!

 

2.jpeg

3